Não sinta saudade de mim, eu sou passageiro, um viajante volátil, sinta saudade dos sorrisos que te proporcionei e anseie os sorrisos que a vida ainda irá te proporcionar. Eles sim são eternos, eu não

 

Desamarra a cara, perdoa minha voz alterada, meu olhar vazio, minha rispidez. Esquece a mágoa, aceita minhas desculpas, faz as pazes com meu coração. A vida é curta para a gente guardar rancor e alimentar desilusões.

Gabito Nunes. (via reatou-se)

(Source: ga-bi-to)